Home > Beleza > Dicas para quem usa maquiagem durante tratamento

Dicas para quem usa maquiagem durante tratamento

maquiagem

Nossa Cat e fisioterapeuta Marcia Aquino separou mais algumas dicas sobre saúde e beleza para todas nós!

Márcia também é acupunturista e professora de dermato-funcional, especializada pelo INCA em fisioterapia em oncologia e Boiética no Instituto Fernandes Figueira. Se você ainda não conferiu sua história como paciente, é só clicar aqui.

Agora, as dicas:

Usar ou não usar maquiagem durante o tratamento oncológico? Eis a questão!

Mesmo utilizando a brincadeira de parafrasear Shakeaspeare, o assunto é sério, mas pode ser divertido também.

Durante o tratamento oncológico, principalmente durante a quimioterapia, onde podemos ter uma queda no sistema imunológico, a dúvida persiste em algumas pessoas.

De uma forma geral, não existe contraindicação no uso de maquiagem durante a quimio, mas é importante ressaltar que existem sim cuidados a serem tomados!

Cuidar-se, de forma geral, é importante em qualquer fase da vida. Maquiar-se deve ser uma diversão, mas também uma forma de cuidar de sua imagem pessoal, não uma obrigação.

Existem pessoas que não gostam de se maquiar e não querem. Existem outras que, durante a fase do tratamento, descobrem a maquiagem como uma forma de ajudar a cuidar das imperfeiçoes da pele, atenuar a expressão, corrigir ou criar uma nova sobrancelha, etc.

Não vou entrar nessas questões no artigo. O objetivo aqui é ajudar você que adora maquiagem ou que está começando a descobri-la, conservar os cuidados com a pele e utilizar a maquiagem de forma segura.

Assim, aqui vão 10 dicas para quem usa maquiagem durante o tratamento com câncer (basicamente para todas que usam maquiagem no dia a dia):

1 – Nunca durma de maquiagem. Use demaquilante e lave bem o rosto;

2 – Durma com a pele limpa e hidratada;

3 – Hidrate sempre a pele e use protetor solar antes da maquiagem, ou produtos que tenham FPS. Também não se exponha muito ao sol;

4 – A higiene de seus pincéis é fundamental, lave-os regularmente;

5 – Produtos fora do prazo de validade não são aconselhados, pois podem conter fungos e, durante o tratamento, como estamos mais vulneráveis às infecções, os riscos são maiores;

6 – Guarde bem os seus produtos bem tampados e em local adequado, de preferência longe do banheiro onde encontramos mais bactérias;

7 – Cuidado e higiene ao manusear seus produtos. Não de deixe-os abertos por muito tempo, lave as mãos antes de usá-los, não utilize pincéis sujos;

8 – Parabeno, chumbo e outros componentes não são recomendados, e já vêm sendo abolidos de países como os Estados Unidos há algum tempo. Leia a composição de seu produto e pesquise se eles podem ser nocivos. Seu dermatologista também pode ajudar;

9 – Alimente-se bem, hidrate-se (principalmente com água), faça atividade física adequada. Esses são fatores que ajudam muito a beleza da pele;

10 – Cuide de suas emoções, humor, medite, veja comédias ou tenha bons livros, crie ou peça ajuda para criar mecanismos contra o estresse.

Lembre-se: a beleza vem realmente vem de dentro (ou como queira dizer: vem da alma, vem do espirito). Quando estamos bem passamos essa beleza para o exterior.

Eu sei… Durante o tratamento passamos por muita fase difícil e por isso devemos procurar ajuda sempre. Resiliência é fundamental em qualquer momento da vida. Mas, cuidar-se de si, usar uma linda maquiagem e transforma-se tem ajudado muitas mulheres nessa fase a redescobrirem-se.

Portanto, maquiar-se ou não maquiar-se? A decisão é sua, mas cuide de sua pele, converse sempre com seu dermatologista e informe-se.

Comentários

comentário

Deixe um comentário